Buscar

Internet em viagem – testando o chip da GiffGaff


Foto: Clem Onojeghuo. Fonte: Unsplash.

Para não ficarmos desconectados na nossa #eurotrip2019, meu esposo decidiu experimentar o chip da empresa inglesa GiffGaff. Como ele foi o responsável por providenciar tudo (pedir o chip, baixar o aplicativo etc) e foi quem efetivamente usou a Internet móvel durante a viagem, pedi para ele fazer um relato da nossa experiência. Segue abaixo – no final, tem uma surpresinha para vocês!


“Sabe aquelas coisas que a gente não sabe que precisa até experimentar? Então, no meu caso foi a tal da internet durante viagens internacionais.


A primeira vez que usei foi durante uma viagem de 20 dias à Itália. Como usar operadoras do Brasil estava fora de cogitação pelo preço abusivo, pegamos emprestados um par de “chips” de celular (que lá eles chamam de “SIM Card”) de um casal de amigos que havia viajado para a Itália um mês antes de nós – e ter internet móvel durante a viagem fez toda a diferença!


Além de traduzir conversas curtas, cardápios de restaurante e rótulos de produtos de limpeza (não subestimem a importância de saber se o produto com rótulo em alemão é sabão líquido ou amaciante), ter internet em viagens internacionais praticamente elimina problemas com mapas, horários e plataformas de metrôs/trens, compras de ingressos e agendamentos de atrações online. Isso sem falar que te salva de algumas roubadas, como comer em restaurantes ruins e superfaturados. E não, wi-fi grátis não é a mesma coisa!


Então, a primeira coisa que fiz quando minha esposa e eu decidimos que nossa viagem de 2019 seria uma eurotrip de 18 dias por 4 países com 4 idiomas diferentes foi saber como comprar um SIM card europeu – e, assim, evitar perrengues.


Como nossa primeira parada seria em Londres, comecei por lá. Fiz uma rápida busca no Google e dei muita sorte: deparei-me com um site que recomendava uma operadora de telefonia chamada “giffgaff” que funciona bem em todos os países que fazem parte da União Europeia. Obs.: o celular fica em roaming (logo, consome mais bateria), mas, quando fomos, não havia qualquer cobrança de tarifas.


E o melhor: o SIM Card é grátis e eles ainda fazem o envio por correios sem nenhum custo para o Brasil!!! Isso mesmo, FREE SHIPPING direto da terra da rainha.

E não é que ele chegou? \o/

MAS ATENÇÃO: como depois fui descobrir, nada pode ser bom, barato e rápido ao mesmo tempo, e o único revés do GiffGaff é que demora para chegar. Então é preciso pedir com BASTANTE antecedência (recomendo pedir no mínimo 4 meses antes da viagem. Mesmo se ficar com ele parado/desativado, não tem problema porque não tem validade).


Fiquei um pouco desconfiado no começo, mas como a única informação que o site pedia era o endereço para entrega, resolvi testar. Preenchi os dados e fiz a solicitação em meados de janeiro de 2019 – mais embaixo tem um passo a passo de como pedir – e fui informado que a previsão de entrega era de “mais de cinco dias”.


Em março de 2019, quando já tinha até esquecido do tal chip, chegou na minha caixa postal um envelopinho com o emblema do “giffgaff” e, dentro, um cartão contendo o SIM. O chip, aliás, é moldável – basta destacar conforme o modelo do celular – normal, micro, ou nano. As instruções para ativar o cartão estão em inglês.



Fiz o cadastro preliminar no site: basta inserir o número de série do SIM card que vem estampado na carta e no próprio cartão. Nesse momento, a GiffGaff informa o número do telefone, mas eu deixei para ativar e colocar créditos para mais perto da viagem.


Faltando aproximadamente 5 dias para o voo, entrei novamente no site do giffgaff e, utilizando paypal - mas dá para fazer por cartão de crédito internacional também - , fiz a compra do pacote de 15 libras, que te dá direito a 8 gigas + ligações e SMS’s ilimitados. A quantidade foi mais do que suficiente para nós: mesmo usando Google Maps, Citymapper, fazendo pesquisas no Google, traduções e até assistindo a um pouco de YouTube, sobraram quase 4 gigas no final da viagem!

No sistema do giffgaff, a gente compra “pacotes” mensais e, se necessário (caso a franquia de dados ou ligação se esgote), é possível fazer recargas adicionais (chamadas de top ups).


Até a data de escrita desse post (06/01/2020), as ofertas de planos (com preços bem melhores do que usar a internet do Brasil no exterior, diga-se de passagem) começam a partir de apenas 5 libras e são as seguintes:

Cada plano tem validade de 30 dias a partir da ativação e dá direito a uma quantidade limitada de gigabytes + minutos de ligações e mensagens SMS para números da União Europeia.


Baixei também o app do GiffGaff na Playstore, aplicativo que também pode ser baixado para Iphones no Itunes. Por meio do app, é possível controlar quanto já foi utilizado da franquia, além de fazer recargas adicionais.


Assim que decolamos, já fiz a troca do SIM Card brasileiro pelo SIM Card da GiffGaff (é bom levar a chavinha do celular, mas, se esquecer, dá pra usar o pino de um brinco – super técnica da Raissa \o/). Chegando em Londres, foi só tirar o celular do modo avião que o chip inglês já começou a operar!


A velocidade é muito boa (4g na maior parte do tempo), e a cobertura também: funcionou perfeitamente em Londres, Amsterdam, Lisse, Bruxelas, Bruges, Paris e Versalhes. Os únicos momentos em que reparamos haver queda de serviço são dentro de túneis e metrôs, ou nas áreas rurais em que passamos durante as viagens de trem.


Em resumo: usar o giffgaff para ter internet na Europa foi uma ótima experiência para nós. Além de funcionar em qualquer país da União Europeia, o SIM card é grátis e ainda enviam para o Brasil sem custos. Além do mais, o serviço foi muito bom e o preço foi bem razoável (15 libras pelo pacote mais completo, com 8 gigas de franquia – aproximadamente R$ 75,00 na cotação da época – para 18 dias de viagem, divididos por duas pessoas).


A única desvantagem é que após dois meses sem utilização no Reino Unido, o SIM card da GiffGaff passa a cobrar pelo roaming (utilização fora do Reino Unido). Ou seja: se você sair, só poderá utilizar o chip nos demais países por dois meses. Isso deixa bem claro que se trata de um SIM Card inglês que permite a utilização em outros países, mas não é um SIM Card internacional...


Em outras palavras, o GiffGaff precisa ser usado no Reino Unido primeiro, e, depois, o roaming para países da Europa fica liberado.


Agora a surpresa para quem leu até aqui: fazendo o cadastro por este link, você ganha 5 libras de crédito! Obs. A pessoa que indica também ganha 5 libras, mas não estamos recomendando por isso; é porque gostamos mesmo e achamos que vale a pena =)


ATENÇÃO: esse crédito extra só aparece na sua conta após você pagar pelo primeiro pacote. Assim, a sugestão é que você pegue um pacote cinco libras mais barato do que você acha que vai precisar, e depois faça o top up com o crédito de cinco libras que receber. Você vai ter menos franquia de dados do que se comprasse direto o mais caro, mas vai economizar 5 libras. Por exemplo, para usar essas cinco libras, em vez de comprar diretamente um pacote de 15 libras, o ideal é comprar um de 10 libras e, depois, fazer um top up de 5 libras. A franquia de dados cai um pouco (6 GB, equivalentes a 4GB contratados + 2GB do top up – ao invés de 8GB comprando direto), mas você também economiza (pagando 10 libras, ao invés de 15 ;)


Passo a passo:


1) Acesse http://www.giffgaff.com/orders/affiliate/mhide34_1553911959380

2) Preencha os dados para envio – (linha um) nome, (linha dois) sobrenome, (linha três) email, (linha quatro) país, (linhas cinco e seis) rua\número\complemento, (linha sete) cidade, (linha oito) estado e (linha nove) CEP);

3) Clique em “Order your free SIM” e pronto, agora é só esperar chegar na sua caixa postal =)

4) Após chegar o cartão, vá à url https://www.giffgaff.com/

5) Selecione “Activate your SIM”;

6) Digite o código de ativação (seis caracteres impressos no cartão);

7) Siga as instruções para ativação".


É isso pessoal!


E vocês? Gostam de viajar conectados ou desapegam de Internet nas viagens? Qual(is) chip(s) já testaram e o que acharam? Compartilhem nos comentários!

0 visualização
  • Black Instagram Icon

Formigas Viajantes - 2019

Viagem - Turismo - Dicas

  • Black Instagram Icon